Aprenda a esperar no Senhor

“Espera no Senhor; sê forte, anima-te, e espera no Senhor”. (Salmos 27:14)

Adelaide (nome fictício) era uma pessoa extremamente feliz. Nasceu e viveu num lar cristão. Ao completar 18 anos, conheceu um homem dentro da igreja que mudaria o rumo de sua vida. E logo se apaixonaram. Antes de iniciarem qualquer relacionamento, passaram alguns dias em oração. Quando não mais aguentaram esperar, decidiram iniciar o namoro. Por um pequeno detalhe, a vida de Adelaide tomou uma direção totalmente diferente. Leia o depoimento dela: “Namoramos, noivamos e tivemos uma celebração matrimonial das mais bonitas. Nessas três fases, esforçamo-nos por viver agradando a DEUS. Até que veio, depois de dois anos, a filha que tanto sonhávamos. Logo comecei a trabalhar para ajudar na renda familiar. A partir daí, as coisas começaram a se tornar estranhas: não nos entendíamos mais, brigávamos e nos agredíamos mutuamente. A nossa vida espiritual passou a ser representada apenas pela presença aos cultos nos domingos. Era agredida tanto moral como fisicamente quase todos os dias pelo homem que um dia o recebi no altar. As piores humilhações faziam parte do meu cotidiano. Até que, em uma certa tarde, uma senhora da igreja que passara em frente a nossa casa, vira meu marido quebrar um pequeno banco de madeira na minha cabeça. A pessoa que pensava ser a bênção de DEUS para a minha vida tornara-se meu inimigo número um e um monstro. Descoberta toda a farsa, separamo-nos e divorciamo-nos na justiça. O pastor amado que um dia nos casou agora se tornara minha testemunha nos tribunais dos homens. Na segunda audiência, o mesmo pastor, casado, acima dos 60 anos, que era a maior referência de cristão para mim aqui na terra, convidou-me de forma discreta e covarde a me ter como mulher. Era o fim. Tornei-me uma mulher amarga, decepcionada com a igreja e infeliz com tudo. Afastei-me totalmente da casa de DEUS e não queria nem ouvir falar em ‘evangélico’. Preferi o mundo. Até que numa dessas noitadas, conheci um policial militar, tenente, educado, bonito, que me prometera tudo aquilo que não tive no casamento: amor, felicidade e atenção. Esse cidadão passou a cuidar da minha filha como se fosse o pai, e me oferecia flores, presentes e muitos outros cuidados. Não tive dúvidas de que ele era o homem de minha vida, aquele que tanto eu havia buscado na igreja e não havia encontrado. A intimidade entre nós foi crescendo. Num desses finais de semana, enquanto eu dormia com a minha filha na casa da mãe do meu namorado, a menina acordou bem pela manhã para ir ao banheiro. No caminho percebeu que algo de errado estava acontecendo num quarto ao lado e foi espiar. As crianças são sempre curiosas. De repente, voltou para o quarto onde dormíamos aos soluços e chorando muito: vira o tal policial, meu namorado, e a quem ela já estava chamando de ‘pai’, com o irmão fazendo sexo com a própria mãe, uma senhora de quase 70 anos de idade. A minha vida virou um inferno literalmente falando. Comecei a olhar para o meu passado e várias foram as interrogações que surgiram em minha cabeça. Eu, que um dia fora batizada com o Espírito Santo, vaso precioso de DEUS, passei a ser lixo pisado e desprezado pelos homens. Onde foi que eu errei? O que fiz para merecer tamanha infelicidade? São perguntas que até hoje rodeiam minha mente”.

Conheci Adelaide casualmente num restaurante. Expliquei-lhe que o pequeno detalhe que fizera sua vida passar por tão cruel transformação foi não ter esperado pela voz de DEUS. Mesmo entrando em propósito de oração, os filhos de DEUS têm que esperar pela voz do PAI. Contei-lhe que conheci uma outra mulher que passou 5 anos em propósito de oração com um rapaz muito inquieto. Mas ela só decidiu começar o relacionamento quando DEUS autorizou. Hoje essa mulher é casada e possui uma família extremamente abençoada. Não que ela não esteja sujeita a fracassos e decepções. Pois, qualquer ser humano que não se sujeita ao Senhor JESUS e age pelos próprios impulsos, arrisca-se a proporcionar e a viver profundas e amargas sequelas. Viu o quanto vale a pena esperar pelo tempo do Senhor.

Assim como Adelaide, há muitos cristãos se precipitando e pagando um alto preço por não esperar pelo tempo de DEUS. Concluí minha conversa com “Adelaide” acrescentando algumas informações importantes: 1) Deus, nem nosso relacionamento com ELE, podem ser responsabilizados pelos fracassos pessoais. Ao contrário, quanto maior for a decepção pelos homens, maior também deve ser a nossa busca e dependência do PAI. Nunca vi ninguém clamar pelo diabo em momentos de maior desespero. Mas foi exatamente o que ela fez. Desprezou o PAI e entregou-se ao mundo, que jaz no maligno; 2) Não há motivo algum na Bíblia para que exista o divórcio, embora a lei secular dê esse direito à pessoa. Quando uma relação a dois se torna insustentável, os cônjuges se separam (proibidos estarão de se relacionarem com qualquer outra pessoa, sob o risco de adulterarem), passam um tempo em dedicação exclusiva a DEUS, até que a “poeira baixe” e tudo, enfim, se resolva. Mas, divórcio, nunca!!! DEUS é totalmente contra o divórcio, além de não poder ser culpado pelas nossas más escolhas e decisões. A Graça do PAI e a liberdade que recebemos dEle servem unicamente para obedecê-lO.

Não viver o tempo de DEUS tem causado grandes prejuízos aos cristãos. E você? Tem esperado pela vontade de DEUS na sua vida? A ansiedade é um pecado que tem mudado o rumo da história de muitas pessoas. Temos esse mal em nós: queremos apressar as coisas; que tudo ocorra em nosso tempo e da maneira que planejamos. A pressa de chegar logo, a ansiedade por alcançar logo um determinado objetivo tem atrapalhado o trabalhar de DEUS na vida de muitos escolhidos do PAI. A ansiedade surge como uma necessidade do homem de se preencher interiormente. É como se ele, com suas próprias forças, quisesse ocupar as muitas áreas desérticas. O que o homem tenta preencher por si próprio o faz de forma passageira e temporária. Os desertos existem em nossas vidas para o nosso aperfeiçoamento existencial e de nossa comunhão com DEUS. Mas não somos nós que podemos adornar o que está vazio nem no tempo que preestabelecemos. Precisamos aprender a viver com os nossos desertos interiores, ainda que passemos 40 anos sem água e sem comida. O DEUS que nos tirou da escravidão dos faraós providenciará tudo no Seu tempo e na hora devida. Quem ainda não cuidou dessa área emocional e espiritual termina por navegar em mares muito revoltos. A Bíblia Sagrada fala que “tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu” (Eclesiastes 3:1). Mas como esperar por esse tempo quando a ansiedade ocupa o nosso coração?

Quando nos antecipamos em decidir as coisas, na verdade, estamos imbuídos de uma ansiedade humana que cria uma pequena abertura para a atuação do diabo. E o nosso problema é exatamente esse: reservamos um lugar pequenino em nosso coração para satanás e ele sabe que tem livre acesso ao coração todo. A ansiedade vem a destruir outras áreas na vida de uma pessoa. Por exemplo: ela mexe diretamente com a fé. Quem acha que DEUS está demorando muito para realizar um propósito, de certa maneira condiciona as ações do Espírito Santo em suas vidas. Outro perigo é querer acreditar que DEUS já respondeu as nossas petições sem que isto tenha acontecido verdadeiramente. DEUS responde, como viva voz, ao coração dos seus filhos amados. DEUS fala e confirma. Quem, como filho nascido do Espírito Santo, ainda não tenha ouvido a voz do PAI? A Bíblia afirma “as minhas ovelhas ouvem a minha voz; eu as conheço, e elas me seguem” (João 10:27).

O missionário John Hyder ganhou 100.000 indianos para CRISTO porque agia segundo os propósitos do coração de DEUS e ouvia a Sua voz. E até para almoçar pedia permissão ao PAI. DEUS revela os seus propósitos através também de sonhos, de louvores, na igreja (na pregação e através de outros irmãos); enfim, há uma unicidade naquilo que DEUS responde, seja lá de onde venha. O que não devemos é nos precipitarmos a essa voz, sem queixas e sem murmurações. Esperar pela voz do Senhor é a principal virtude da obediência cristã. Foi por isso que o salmista escreveu: “Espera no Senhor; sê forte, anima-te, e espera no Senhor” (27:14). Também os salmos 37:34 acrescentam: “espera no Senhor; e guarda o seu caminho. Ele te exaltará para herdares a terra (…)”. E dos salmos 40 vem a confirmação: “Esperei com paciência pelo Senhor; ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor” (vers.1).

Dessa forma, está mais que provado que, aquele que espera, alcança todas as promessas de DEUS. O Senhor nos dá liberdade de agirmos debaixo de Sua soberania, segundo a Sua Vontade; portanto, podemos arbitrariamente decidir os rumos que queremos para a nossa vida. Cuide em obedecer tão somente. Quanto à ansiedade: “Lançai sobre DEUS toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós. Sede sóbrios, vigiai. O vosso adversário, o diabo, anda em derredor, rugindo como leão, buscando a quem possa tragar” (1Pedro 5:7-8). A ansiedade faz residência na mente, a qual estimula as ações precipitadas. Por isso, eleve seus pensamentos a DEUS. Aprenda a descansar no Senhor. Depois que as ansiedades tiverem saído, o Senhor te dará tudo novo.

Todos os cristãos sabem e creem que DEUS tem o melhor para nós; porém muitos insistem em preferir o que está imediatamente abaixo desse melhor; por exemplo, a direção permissiva de DEUS. A permissão nunca é boa, mas é necessária. Ela é uma forma encontrada por DEUS de fazer com que o homem, impaciente em esperar, descubra-se a si mesmo incapaz de descortinar suas veredas. Como ELE fez com Adelaide. Há muitos crentes se decepcionando, nos templos, até mesmo com pessoas consideradas cristãs. Quase sempre em relacionamentos amorosos. Pecam pela impaciência e por não saber esperar. DEUS quer do homem a sua total entrega, mas ele só deseja de DEUS alguns cuidados especiais como saúde, trabalho, segurança etc. Na hora de decidir algo, não tem paciência de orar, pedir e esperar. Acha que “está demorando muito” ou “que já está velho demais para esperar”. Assim é no trabalho, na vida sentimental e até na esperança de conversão de muitos. A nossa vida espiritual pode ser destruída por um pequeno detalhe. Olhem para o exemplo de Saul: constituído rei sobre o povo de Israel não teve paciência em esperar 7 dias por Samuel para oferecer holocausto e ofertas pacíficas. Foi orgulhoso, precipitado, mentiroso e dele se afastou o Espírito de DEUS. O seu fim foi um dos mais trágicos das histórias bíblicas.

Enfim, a nossa vida pode ser comparada a planta de um grande edifício, cujo desenho arquitetônico foi planejado por DEUS antes da fundação do mundo, no tempo em que ELE considerou necessário. Quem se atreve a dar um retoque diferente daquele que foi posto por DEUS terá excluído o brilho perfeito da vontade perfeita. Logo a deformidade aparecerá nas paredes. Aquele que já sofreu pela precipitação sabe muito bem do que estou escrevendo. Retire de sua mente todas as expectativas e ouse em apenas sonhar os sonhos de DEUS, ouvindo a Sua voz. Descanse. “Confia no Senhor e faze o bem; habita na terra, e vive tranqüilo. Deleita-te no Senhor, e ele te concederá os desejos do teu coração. Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nele, e ele tudo fará” (Salmos 37:3-5). Amém, Senhor JESUS!!!

 FERNANDO CÉSAR – Evangelista; escritor, autor dos livros “NÃO MUDE DE RELIGIÃO: MUDE DE VIDA!” ; “PÓDIO DA GRAÇA” E “ANTES QUE A LUZ DO SOL ESCUREÇA”. Líder do Ministério FAMÍLIAS PARA CRISTO.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Aprenda a esperar no Senhor

  1. Rebeka disse:

    Poxa …gostei muito ateh chorei sabe?? Estou esperando a minha benção sabe faz tanto tempo..parecia que Deus até me esqueceu..

    Eu via os casais da igreja (jovens como eu) já com a benção nas mãos e eu perguntava
    E EU??eu sempre chorava porque naum vou mais sabe?Deus realmente tem o melhor pra mim sabe? Eu acredito que o Deus da minha vida possa me dar tudo, por mais que doa o meu coração.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s