Como satanás atua em um processo de restauração familiar

“Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. (…) Tomai toda a armadura de Deus para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes” (Efésios 6:11 e 13).

Todo o período que compreende o tempo de uma restauração familiar é muito difícil, especialmente para quem se arrepende e espera ter o casamento reconstituído. O casal comete muitos erros, não busca a DEUS como deveria; com isso, peca, convida o diabo a fazer parte do lar que, por sua vez, destrói tudo o que vê pela frente. Era a oportunidade que satanás tanto esperava. Mais uma família vai sofrer o mal da separação e do divórcio. Adiante quase sempre vem o arrependimento; pelo menos de uma das partes. É o lado exatamente que sofreu o abandono. Quem se arrepende e busca a face de DEUS, clamando pela volta do cônjuge para casa, não imagina o grande deserto que terá de atravessar. Embora a Bíblia afirme que quem “pede, recebe; e o que busca encontra; e, ao que bate, se abre” (Mateus 7:8), é preciso tomar alguns cuidados especiais durante o tempo do “treinamento”, para que erros não voltem a ser cometidos e o diabo não venha a causar mais estragos além do que já causou. Por isso, irei apresentar aqui seis ferramentas que um cristão pode entregar nas mãos do maligno no período da restauração familiar, considerando que esse é um momento de batalha espiritual (o pai da mentira fará de tudo para convencer o outro de que não existe mais amor, que o casamento foi um grande erro e que nada mais há solução), é aí que DEUS atua de maneira maravilhosa juntamente com a vida de obediência de quem descansa nEle.

O diabo espera encontrar o cristão:

1)  na prática do pecado: essa é a exata ferramenta criada por satanás. O pecado entrou na vida do homem e, por isso, todos foram destituídos da glória de DEUS. O pecado é um gesto de desobediência, de rebeldia, que faz a separação do homem com DEUS. Em 1 João 3:8 está escrito: “quem comete o pecado é do diabo, porque o diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo”.  Um conselho agradável: procure não se envolver com ninguém. Se você estiver no propósito de restauração do seu casamento, fique firme diante de DEUS, tenha a sua consciência em paz. Não tenha intenção nem se envolva com ninguém. Seja fiel em seu propósito. Se por acaso, pecou, arrependa-se logo diante do PAI, e ELE perdoará.

2)  ansioso: outra ferramenta que satanás adora encontrar no servo e na serva de DEUS. A ansiedade é querer que tudo aconteça logo, rapidamente, no nosso tempo, porque achamos que não vamos suportar. É como se a pessoa quisesse atravessar todo o deserto em apenas um dia ou uma semana. Como isso não acontece, bate uma incerteza no coração, um estado de dúvida; sobrevêm pensamentos maus, negativos, preocupações, um estado de tristeza que logo se transforma em depressão. O diabo ama a ansiedade porque ele sabe que ela retarda aquilo que DEUS tem para entregar aos seus filhos queridos. Não é à toa que há dois versículos essenciais que falam da ansiedade: “não andeis ansiosos, dizendo: que comeremos? Que beberemos? Com que vestiremos? (Será que o(a) meu(minha) amado(a) voltará mesmo?).Pois os gentios procuram todas estas coisas. De certo vosso pai celestial bem sabe que necessitais de todas elas. Mas buscai em primeiro lugar o reino de Deus e a Sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas” (Mateus 6:31-33) (acréscimo do autor). “Lançando sobre Deus toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós” (1 Pedro 5:7). Quem vive ansioso não consegue descansar nem confiar em DEUS. A ansiedade é exatamente o contrário dessas duas virtudes cristãs. Quem confia, fecha os olhos e descansa, cuida de outras coisas, esquece o problema, sabe que na hora certa, JESUS entregará a vitória. “Qual de vós poderá, com as suas preocupações, acrescentar uma única hora ao curso de sua vida?” (Mateus 6:27).

3)  incrédulo: parece contraditório, mas há pessoas que fazem um voto a Deus, pedem algo muito importante ao PAI, mas, ainda assim, buscam subterfúgios, meios, estratégias como solução aos problemas. Há pessoas também que pedem, mas só creem se veem logo os resultados esperados aparecendo. Quando não veem o que querem, desconfiam, recuam, deixam de orar, de ir à igreja e de servir a DEUS. Crer é fechar os olhos carnais e abrir os olhos espirituais; é confiar e ser feliz exatamente quando a matéria não enxerga, as mãos não tocam e quando tudo parece contrário e perdido. Fé é o que fez Abraão ao tentar sacrificar o seu único filho Isaque. Fé é dizer o que disse o centurião a JESUS: “não precisas ir até a minha casa. Basta apenas uma palavra tua e meu servo será curado!”. Fé é abrir os olhos do coração e saber que DEUS, nesse instante, está trabalhando na vida do teu cônjuge e preparando a volta dele(a) para casa. Tenha fé! Não duvide jamais! “Sem fé é impossível agradar a Deus” (Hebreus 11:6).

4)  inseguro: a insegurança é irmã do medo. Depois de separados, às vezes é inevitável o marido ver a esposa ou vice-versa. Em algumas situações, por conta dos filhos, em outras, porque trabalham ou moram próximos. O cristão, então, deixa de ter vida social, de sair de casa, de participar de certos eventos, com medo de não se encontrar com o seu cônjuge. Insegurança é outra ferramenta que o diabo usa na vida do seu marido ou da sua esposa para te provocar. É como se satanás cochichasse ao ouvido dela ou dele: “está vendo que ele é um frouxo, um molenga, um medroso…”. E como o outro se sente superior muitas vezes, dono da razão, a ideia é ver você mesmo abatido(a), caído(a), fragilizado(a). Mas se você demonstra exatamente o contrário (boa aparência, sobriedade, domínio próprio, educação, bom nível), termina frustrando as pretensões de satanás.

5)  alimentando-se de conselhos errados: no desespero, a irmã ou o irmão busca aconselhar-se com todo tipo de pessoa que aparece na frente. São conselhos dos mais diversos, opiniões contraditórias, sem fundamentação bíblica: “esqueça! Deixe isso pra lá! Largue de ser besta e viva a sua vida”; “não percebe que ele não quer mais nada com você e não vai voltar mais para casa?”; “você pecou, quebrou uma aliança que fez com Deus. Não há perdão nem restauração”; “divorcie-se dele, namore e case com outro e seja feliz” dentre outras insinuações diabólicas. O curioso que o diabo vai usar pessoas muito ligadas a você (familiares, amigos, pessoas na igreja, líderes) para fazê-la(o) desistir. O apóstolo Paulo advertiu: “examinai tudo. Retende apenas o bem” (1 Tessalonicenses 5:21). Entenda uma coisa: eu já vi muitos pastores, conhecidos ou não, que Deus usa como instrumentos para curar, para salvar vidas, falarem absurdos sobre a lei conjugal criada e abençoada por DEUS, demonstrando total confusão teológica e ignorância ao assunto. Esteja bem atento(a): DEUS é DEUS da família, zeloso; é DEUS que restaura, que faz novas todas as coisas; é DEUS que cumpre o que promete; que muda a vontade de um coração duro só porque um justo ora. É esse mesmo DEUS que não vê o adultério ou qualquer outro erro cometido no casamento como um caminho sem volta, que não tenha perdão. Os casamentos se destroem porque nenhum dos dois busca a DEUS verdadeiramente, nenhum dos dois quer mais continuar casados e preferem o divórcio e um novo casamento, o que aborrece o coração de DEUS e os torna adúlteros. Quem busca, espera, consegue! É esse o DEUS a quem sirvo e acredito.

6)  murmurando: uma ferramenta muitíssimo importante para o diabo. Sentir saudade é humano. Sentir um ou outro momento de tristeza é muito normal, afinal, somos seres humanos. Porém viver reclamando de tudo que acontece é um defeito que tem que ser tratado. A murmuração é um dos obstáculos que impedem o cristão de receber a vitória. Eu ouço muito “ai, Fernando, eu não vou aguentar mais; acho que vou morrer…” ou “Fernando, eu só vejo tudo de ruim acontecendo. Acho que Deus não está comigo”. Por causa das constantes murmurações que o povo de Israel morreu no deserto. Não murmure contra Deus, não murmure contra a sua situação atual, não murmure da sua vida, não murmure contra nada. Apenas agradeça: “Em tudo daí graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco” (1 Tessalonicenses 5:18).

Eu poderia citar aqui muitas outras ferramentas, espaços que um cristão oferece a satanás, tais como: deixar de orar e jejuar em prol do cônjuge e da restauração matrimonial; não ir à igreja com frequência; não produzir frutos para o Reino de DEUS e não ter motivações corretas (fazer cursos, trabalhar melhor, sonhar, elaborar, planejar, melhorar de vida etc.). Citei as que considero mais relevantes. Observe em quais você é mais firme e quais você precisa tirar da sua vida. É para isso que existe o seu deserto com DEUS: para ELE moldar o seu caráter e fazer também de você uma nova pessoa, com nova maneira de agir. Tudo aquilo que tínhamos dificuldade de ser e de viver enquanto casados, vivendo com o marido ou a esposa, passará a ser realidade transformada em nós quando o casamento for restaurado. DEUS usa o deserto para nos aperfeiçoar. Nessa trajetória, você precisa estar firme, bem alicerçado(a) para suportar as grandes tempestades que se levantarão contra você. Quanto maior for a tempestade, mais próxima estará a bonança. Mas não desista nem dê motivo para o diabo agir diretamente em você. Não morra no meio do caminho. Feche todas as brechas! E saiba: sonhos frustrados não são sonhos enterrados, mas sonhos que serão reconquistados e que virão bem melhores do que eram. Que DEUS nos abençoe!

FERNANDO CÉSAR – Escritor, autor dos livros “Não Mude de religião: mude de vida!”, “Pódio da Graça”; “Antes que a Luz do Sol escureça” e da coleção “Destrua o divórcio antes que ele destrua seu casamento”, “Destrua o adultério antes que ele destrua seu casamento”, “Destrua a insubmissão antes que ela destrua seu casamento”. Também é líder do Ministério Famílias para Cristo.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Como satanás atua em um processo de restauração familiar

  1. whebson disse:

    Glória a Deus, por palavras vindas dEle mesmo!

    Já coloquei a alinça novamente, e estou com Deus no propósito da restauração familiar. Aleluia Senhor!

    Toda autoridade e poder está nas mãos do nosso SENHOR JEUSUS CRISTO.

    Amém!

  2. Janaina disse:

    Recebi estas palavras como um balsamo para minha luta na restauraçao do meu lar.Elas me fizeram entender em que estou errando nesta tribulaçao e agora sei que Deus tem o proposito de restaurar minha familia.Aleluia.

  3. maria Lucia disse:

    Este estudo foi de grande valia para mim, eu fiquei mesmo emocionada quando li, e muito bom sempre lembrar, que nosso companheiro e amigo, nosso amado pai nunca se ausenta da nossa vida, os filhos podem falhar os maridos pode falhar os amigos todos, mas ele nunca falhará e nunca faltará gloria a Deus.

  4. nilson disse:

    paz do senhor que estudo tremendo depois que eu le fiquei mas confiante no senhor tudo isso estava acontecendo na minha vida o inimigo por vares vez fala no meu ovido que ela nao ia mas volta mas agora sei que tudo era mentira do diabo o nosso Deus e u Deus de aliança um Deus de promessa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s