“Como Deus pode e vai restaurar seu casamento”

“Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo; até que todos cheguemos à unidade da fé, e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, à medida da estatura completa de Cristo, para que não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente” (Efésios 4:12-14) (grifo meu).

Fico admirado com o nível de engano, sujeira e podridão que o diabo introduz nas pessoas que não se mantêm firmes em uma só fé, naquilo que JESUS ensinou em Sua Santa Palavra. Pessoas conduzidas por qualquer vento de doutrina, vacilantes na observância aos mandamentos de JESUS, que procuram um jeitinho de encontrar exceções na Palavra de DEUS, brechas na Lei de CRISTO, como os advogados costumam fazer na lei dos homens.

Desde 2005, iniciei um trabalho de aconselhamento familiar voltado especificamente para o ensino dos conselhos de CRISTO ao Seu povo. De lá para cá, atendi centenas e centenas de pessoas de diversas partes do mundo. Não me recordo de uma só pessoa que não tenha lido o livro, pelo menos uma vez, “Como Deus pode e vai restaurar seu casamento”, escrito por Erin Thiele (Ed. Restore Ministries). Esse manual se tornou uma febre, uma referência na área de restauração familiar. Muitas pessoas, sofrendo com a separação e o divórcio, buscam apoio, orientação em tudo o que está escrito no citado livro.

Para mim, qualquer livro, música, ministração, conselhos, têm que estar totalmente respaldados na Palavra de DEUS, sem que uma vírgula seja retirada ou acrescentada. Não podemos admitir, como filhos de DEUS, a omissão nem o acréscimo de nada na Palavra Santa e Perfeita. JESUS era assim. Quando foi tentado por satanás no deserto, ELE foi persuadido pelo diabo, usando a Palavra de DEUS, para trocar todas as promessas que DEUS tinha para ELE por outras falsas promessas. Observe o nível de atrevimento a que chegou satanás: tentou convencer JESUS CRISTO, DEUS encarnado, a Própria Palavra Viva, usando a mesma Palavra. Se ele usou dessa artimanha e desse atrevimento diabólicos com o Filho de DEUS, imagine o que ele não é capaz de fazer conosco, se não retivermos firmes a fé em JESUS. Seremos levados facilmente como uma pena em uma grande tempestade de vento. E logo estaremos confusos, porque é objetivo de satanás confundir a igreja de CRISTO aqui na terra, fazê-la acreditar que DEUS não é radical com aquilo que determina, que ELE abre algumas exceções.

Não estou aqui para acusar nem denegrir a imagem de ninguém, pois sou apenas um simples servo de JESUS. Estou aqui para ensinar a Verdade sem contradições, a Verdade pura, sem mácula nem alguma sujeira inserida pelo homem. Como Pastor da área de família e conhecedor da Lei Conjugal de CRISTO para o Seu povo, não posso me omitir de refutar aquilo que vejo contrário ao pensamento de DEUS, embora aparentemente seja algo de DEUS; e que esteja contaminando as pessoas, muitas delas ingênuas, mas que também não firmam a fé em um só pensamento.

Na página 75, capítulo 12, do livro em questão, a autora afirma, após citar Deuteronômio 24:1-4, com todas as letras, o seguinte: “Como você pode ver, este versículo diz à mulher para não voltar para seu primeiro marido. É por isto que nós não encorajamos mulheres a pensarem que, porque seu segundo casamento está com problemas, devem voltar a seu primeiro marido. Aqueles que atêm-se ao casamento ‘aliança’, fazem isto através da crença de que Deus não reconhece o segundo casamento, mas somente o primeiro casamento. Entretanto isto não é afirmado claramente na Bíblia e este versículo contradiz tal teologia da ‘aliança’. E também, esta passagem especificamente diz que é a mulher que casa novamente e fala da mácula dela”. Adiante, na página 76, sexto parágrafo, ela escreve: “A verdade a respeito do chamado ‘casamento de aliança’ é que Deus reconhece SIM o segundo casamento. Além do mais, a doutrina da ‘aliança’ encoraja àquelas que estão no segundo casamento a voltarem para seu primeiro marido. Esta doutrina contradiz os versículos em Deuteronômio 24:1-4, com o qual nós abrimos esta questão. Estes versículos provam que Deus reconhece o divórcio e o recasamento, porque se esta mulher não tivesse casado novamente, ela estaria em adultério, o que teria resultado no seu apedrejamento até a morte. Estes versículos também provam que encorajar esta mulher a voltar para seu primeiro marido é encorajar uma abominação diante de Deus”.

É triste ler conclusões desse tipo de uma pessoa que se diz cristã. A não ser que a autora seja judia ou seguidora do Judaísmo, presa às leis judaicas do passado. JESUS CRISTO não se deixou contaminar por nenhuma lei judaica da época; antes ELE deu nova roupagem, impôs, sem acordo algum, novos conselhos a serem seguidos, porque, segundo JESUS, todo aquele que fosse nascido DELE e do Espírito Santo não teria o coração duro dos judeus e não precisaria mais obedecer à lei antiga, assinada por Moisés. Basta observarmos todo o capítulo 5 do livro escrito por Mateus. Foi no monte onde JESUS começou a ensinar todos os detalhes dos conselhos da Nova Aliança para os seus discípulos. No versículo 20, ELE diz: “Porque vos digo que, se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus”. A justiça dos fariseus, fundamentada no Pentateuco, não era suficiente para uma pessoa herdar o Reino de DEUS. A justiça de CRISTO era e é muito maior às Leis assinadas por Moisés. Com esse versículo, JESUS determina que nenhum cristão, nascido DELE e do Espírito de DEUS, poderia viver baseado na Velha Aliança. Até mesmo para o casamento. JESUS simplesmente torna sem efeito a Lei Matrimonial antiga e recupera aquilo que DEUS, o PAI, criou antes mesmo do pecado: a indissolubilidade do casamento. Vejamos alguns pontos da Lei que o próprio JESUS contrapôs aos conselhos DELE:

LEI JUDAICA: “Ouvistes que foi dito aos antigos: não matarás; mas qualquer que matar será réu de juízo” (versículo 21);

LEI DE JESUS: “Eu, porém, vos digo que qualquer que, sem motivo, se encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo; e qualquer que disser a seu irmão: Raca, será réu do sinédrio; e qualquer que lhe disser: louco, será réu do fogo do inferno” (versículo 22);

LEI JUDAICA: “Ouviste que foi dito aos antigos: não cometerás adultério” (versículo 27);

LEI DE JESUS: “Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela” (versículo 28);

LEI JUDAICA: “Também foi dito: Qualquer que deixar a sua mulher, dê-lhe carta de desquite” (versículo 31);

LEI DE JESUS: “Eu, porém, vos digo que qualquer que repudiar sua mulher, a não ser por causa de relação sexual ilícita, faz que ela cometa adultério, e qualquer que casar com a repudiada, comete adultério” (versículo 32);

LEI JUDAICA: “Outrossim, ouvistes que foi dito aos antigos: não perjurarás, mas cumprirás os teus juramentos ao Senhor” (versículo 33);

LEI DE JESUS: “Eu, porém, vos digo que de maneira nenhuma jureis; nem pelo céu, porque é o trono de Deus; nem pela terra, porque é o escabelo de seus pés; nem por Jerusalém, porque é a cidade do grande Rei” (versículos 34 e 35);

LEI JUDAICA: “Ouviste que foi dito: olho por olho, e dente por dente” (versículo 38);

LEI DE JESUS: “Eu, porém, vos digo que não resistais ao mal; mas, se qualquer te bater na face direita, oferece-lhe também a outra” (versículo 39);

LEI JUDAICA: “Ouviste que foi dito: Amarás o teu próximo, e odiarás o teu inimigo” (versículo 43);

LEI DE JESUS: “Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus” (versículo 44).

Os contrapontos de JESUS em relação à velha aliança não pararam aí. A Lei Judaica dizia que era ilícito fazer alguma coisa no sábado. Certa vez, passou JESUS pelas searas com os seus discípulos, que por muita fome, começaram a se alimentar. “E o fariseus, vendo isto, disseram-lhe: eis que os teus discípulos fazem o que não é lícito fazer num sábado. Ele, porém, lhes disse: não tendes lido o que fez Davi, quando teve fome, ele e os que com ele estavam? (…) Mas, se soubésseis o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifício, não condenaríeis os inocentes. Porque o Filho do homem até do sábado é Senhor” (Mateus 12:2-3 e 7-8 ).

A todo o tempo, os fariseus e escribas, seguidores fiéis da Lei do Pentateuco, colocam-se como opositores de JESUS. Eles não aceitavam o fato de o Messias Enviado por DEUS ter nascido humildemente em uma gruta, por sobre uma manjedoura e com aparência tão rude. A vaidade dos corações deles esperava um outro rei, vindo talvez montado em um cavalo branco, vestido de vestes reais, cheios de tesouros, bens materiais, rico, e cumpridor de toda Velha Aliança. Mas JESUS veio como uma Nova e Eterna Aliança, ensinando o caminho do arrependimento, do perdão e da salvação por meio da fé. Eles nunca aceitaram CRISTO como o Filho do DEUS de Abraão, de Isaque e de Jacó, antes O rejeitaram, como lemos no evangelho de João: “Veio para o que era seu, e os seus não o receberam” (João 1:11). Por não crerem em JESUS, que o Nosso Senhor e Salvador muitas vezes agiu com dureza com eles: “Raça de víboras, como podeis vós dizer boas coisas, sendo maus? Pois do que há em abundância no coração, disso fala a boca” (Mateus 12:34); “Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! Pois que sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda imundícia” (Mateus 23:27). Por quantas vezes, esses mesmos fariseus lançaram armadilhas contra JESUS com suas perguntas maliciosas? Mas Nosso SENHOR não engolia uma vírgula errada sequer que eles proferiam. Quando eles perguntaram a JESUS, em Mateus 19, por que Moisés mandou dar carta de divórcio e repudiar, JESUS tratou logo de corrigi-los: “Por causa da dureza dos vossos corações, vos permitiu repudiar vossas mulheres; mas no princípio não foi assim” (vers. 8 ) (grifos meus).

Todos os pontos da Lei antiga, especialmente no que se refere ao casamento, foram abolidos por JESUS. Os artigos referentes ao divórcio por qualquer motivo (Deuteronômio 24:1-4) e ao divórcio em caso de fornicação (Deuteronômio 22:13-18), únicos casos utilizados pelos judeus, foram anulados por JESUS em Mateus 19. Esses artigos só foram assinados por Moisés por causa da dureza dos corações dos judeus, que não queriam de forma nenhuma aceitar o sentido verdadeiro do casamento único criado e abençoado por DEUS. Eles queriam trocar de mulher como se troca de roupa. Por isso, JESUS, nesse capítulo de Mateus, rebate as duas perguntas dos fariseus, ordenando que eles olhassem para o que DEUS criou no princípio: casamento é um só. Cabem dois questionamentos nesse contexto: por acaso, um cristão, nascido da água e do Espírito de DEUS, possui coração duro? Por acaso, é correto o cristão viver conforme a justiça antiga dos fariseus e dos escribas?

Talvez a Bíblia da autora Erin Thiele se resuma apenas ao Pentateuco. Talvez não conste as seguintes palavras de JESUS: “Portanto o que Deus uniu não separe o homem” (Mateus 19:6); “Qualquer que deixar a sua mulher e casar com outra, adultera contra ela. E, se a mulher deixar a seu marido, e casar com outro, adultera” (Marcos 10:11-12); “Qualquer que deixar a sua mulher, e casa com outra, adultera; e aquele que casa com a repudiada pelo marido, adultera também” (Lucas 16:18). Talvez não conste também as palavras de JESUS confirmadas pelo apóstolo Paulo: “Porque a mulher que está sujeita ao marido, enquanto ele viver, está-lhe ligada pela lei; mas, morto o marido, está livre da lei do marido. De sorte que, vivendo o marido, será chamada adúltera se for de outro marido; mas, morto o marido, livre está da lei, e assim não será adúltera, se for de outro marido” (Romanos 7:2-3); “Todavia, aos casados mando, não eu mas o Senhor, que a mulher não se aparte do marido. Se, porém, se apartar, que fique sem casar, ou que se reconcilie com o marido; e que o marido não deixe a mulher” (1 Coríntios 10-11); “A mulher casada está ligada pela lei todo o tempo que o seu marido vive; mas, se falecer o seu marido fica livre para casar com quem quiser, contanto que seja no Senhor” (1 Coríntios 7:39).

O livro “Como Deus pode e vai restaurar seu casamento” está recheado de contradições bíblicas e confusões teológicas. Ao mesmo tempo em que a autora profere uma fé voltada para o divórcio e para o segundo casamento de divorciados, ela afirma que Deus pode e vai restaurar seu casamento. Na mesma medida em que ela cita a Lei antiga, prende-se ao texto de Deuteronômio, cita também o perdão que JESUS atribuiu à mulher que foi flagrada em adultério pelos fariseus. DEUS perdoa todo e qualquer pecado do homem, menos a blasfêmia contra o Espírito Santo, desde que esse mesmo homem se arrependa e abandone o pecado. É impossível ao homem receber o perdão de DEUS e ainda querer continuar preso ao pecado. O perdão está condicionado ao arrependimento e ao abandono da prática pecaminosa: “O que encobre as suas transgressões nunca prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia” (Provérbios 28:13); “Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, em todo o lugar, que se arrependam” (Atos 17:30). JESUS disse àquela mulher que adulterava: “(…) Vai-te, e não peques mais” (João 8:11). Em que lugar da Bíblia, após receber o perdão, lemos essa mulher adulterando de novo? Em nenhum outro! Ao contrário, a mulher passou a seguir a JESUS e ela foi a primeira mulher a quem NOSSO SENHOR apareceu ressuscitado. Se DEUS me diz na Palavra que segundo casamento de divorciados é adultério, como poderei eu receber o perdão de DEUS se eu quiser continuar nesse pecado? Essas contradições mais lembram a voz que satanás introduziu à primeira mulher no Éden, para a qual DEUS tinha dito que se comesse do fruto proibido morreria. Satanás, com a astúcia que lhe é peculiar, apresentou-se e disse à mulher: “certamente não morrereis” (Gênesis 3:4). Até os dias de hoje é assim: DEUS diz não faça isso porque te levará à morte; e o mesmo satanás chega depois e convence o homem de que o mesmo pode fazer.

Só aceito a verdade que está transcrita no título: DEUS NÃO SÓ PODE COMO ELE VAI RESTAURAR TODOS OS CASAMENTOS! Mas meu DEUS não restaura adultério nem alguma outra relação sexual ilícita aos olhos DELE. Não é estranho para mim ler, em outro título dessa mesma autora, que ela estava enfrentando o segundo divórcio com o mesmo marido. DEUS sabe por que permite certas situações adversas na vida de alguns (medite em Apocalipse 22:18-19). A PALAVRA DELE não pode ser ensinada pela metade, com ajustes, mácula nem contaminação alguma. ELA TEM QUE SER ENSINADA E DIVULGADA DO JEITO QUE ESTÁ ESCRITA. Aceite quem quiser aceitar; doa em quem doer, ouça quem tem ouvidos! Não me sinto melhor nem pior do que ninguém, aliás vivo de escassos recursos financeiros, apenas da Obra de DEUS, mas não posso admitir que meus irmãos na fé sejam conduzidos em ensinamentos falsos, que não condizem com a Verdade de JESUS! Se assim admitisse, DEUS cobraria de mim tamanha irresponsabilidade. Amém! Ora, vem, NOSSO SENHOR E SALVADOR!

FERNANDO CÉSAR – Escritor, autor dos livros “Não Mude de religião: mude de vida!”, “Pódio da Graça”; “Antes que a Luz do Sol escureça” e da coleção “Destrua o divórcio antes que ele destrua seu casamento”, “Destrua o adultério antes que ele destrua seu casamento”, “Destrua a insubmissão antes que ela destrua seu casamento”. Também é pastor e líder do Ministério Restaurando Famílias para Cristo. 

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

7 respostas para “Como Deus pode e vai restaurar seu casamento”

  1. Luiz César disse:

    Prezados,
    É encorajador e inspirador a firmeza e segurança com que o Pastor Fernando César trata o assunto da indissolubilidade do matrimônio. É um só e pronto! Não tem meias palavras, não tem “jeitinho”, não tem que ficar inventando que fomos criados para ser felizes e devemos partir para outro “casamento” se o primeiro não dá certo… Tudo isso é obra do maldito que tenta abalar e destruir as famílias. Não podemos nos deixar enganar pela obra do maligno que se disfarça de bons ensinamentos (fiquemos atentos, pois são lobos em pele de cordeiro).

    Por mais difícill que possa parecer (e falo isso por aquilo que estou vivendo pessoalmente), não devemos perder a Fé e a certeza que Deus, somente Deus irá agir no coração de nossos cônjuges que estão afastados de Deus. Sim, eles se afastam de Deus e com isso são facilmente dominados pelos ensinamentos do encardido. Peçamos portanto, que Deus em sua infina misericórdia, tenha compaixão de nós e nos conduza ao caminho do perdão, do amor, da verdade, da reconciliação. Primeiro reconciliação com Deus, em seguida a reconciliação do casal, sempre firme e voltados para Deus. Só este é o caminho da reconciliação.

    Em Cristo

    LCC
    Brasília-DF

  2. Maria das Graças Nicolete disse:

    QUERIDOS INTERCESSORES: PRECISO DE ORAÇÕES POR MIM E PELA MINHA FAMÍLIA,PRECISO DA RESTAURAÇÃO DA MINHA FAMÍLIA, QUE JESUS LIBERTE MEU MARIDO DO ADULTÉRIO, ESTOU PASSANDO UMA GRANDE TRIBULAÇÃO, ESTOU DESESPERADA MINHA VIDA ESTÁ VIRADA MEU MARIDO VIVE VIAJANDO COM UMA AMANTE, ESQUECEU TOTALMENTE NOSSA FAMÍLIA, ESTOU CHEIA DE DÍVIDAS TRABALHANDO E PROCURANDO EMPREGOS PARA MANTER 3 FILHOS, PRECISO DE UMA LUZ NO FIM DO TÚNEL, ESTOU CONFUSA, DESANIMADA, ESTOU PERDENDO O RESTINHO DAS MINHAS FORÇAS, PRECISO MUITO DA SUA LUZ DIVINA : MARIA DAS GRAÇAS

  3. Maria das Graças Nicolete disse:

    COMO DEUS PODERÁ RESTAURAR MEU CASAMENTO SE MEU MARIDO SUMIU, DEPOIS DE 34 ANOS DE CONVIVÊNCIA ME DEIXANDO COM 3 FILHOS E NÃO QUER SABER DA FAMÍLIA, ESTÁ APAIXONADO POR UMA MULHER MAIS NOVA E VIVE PASSEANDO E GASTANDO O QUE DEVERIA SER DOS FILHOS COM ESTA MULHER. CREIO EM DEUS MAS PRECISAMOS DE GRANDES MILAGRES PARA RESTAURAR MEU CASAMENTO

    • Luiz César disse:

      Prezada Maria das Graças,

      Não há resposta pronta para tantas perguntas angustiantes, mas uma delas eu posso afirmar: TENHA FÉ! Não desista nunca de acreditar na obra e nas promessas de nosso Pai. Por mais improvável que possa parecer a situação (diante dos nossos olhos humanos), TENHA FÉ e acredite que para Deus nada é impossível. Aproxime-se de Deus, faça suas orações, entregue-se para a vida em Deus, faça a sua parte e Deus conduzirá seus caminhos para a reconciliação.

      A certeza que posso te dar é por vicência pessoal, eu também estou nesta situação e não deixo de TER FÉ, pois sei que Deus irá nos colocar de volta no caminho da harmonia, do amor, do perdão, da reconciliação.

      Em Cristo.

      LCC
      Brasília-DF

    • Ivonete disse:

      Quando Deus quer fazer um milagre ele permite uma dificuldade
      Quando Deus quer fazer um GRANDE MILAGRE ele começa com uma impossibilidade.
      Amada, creia pois esta a um passo do grande milagre acontecer na sua vida e esse passo se chama FÉ.
      EM CRISTO
      IVONETE

  4. Silvana Sutelo disse:

    SEMPRE LEIO TODOS OS ESTUDOS E CREIO QUE TUDO É BEM DIRIGIDO PELA PALAVRA…TEM ME FORTALECIDO MUITO E COM CERTEZA TEM ME ENSINADO MUITAS COISAS QUE ATÉ ENTÃO NAO SABIA,OU MELHOR,NÃO ERA COLOCADO COM TODA CLAREZA…MUITO OBRIGADA ,QUE DEUS TE ABENÇÕE MUITO MAIS…

  5. Salviano disse:

    Eu acredito que Deus criou o homem e deixou o manual de instrução, a “BÍBLIA SAGRADA” que é a palavra de Deus,” e não produtos enlatados, eu costumo dizer que: “As pessoas precisam parar de comer tudo o que dão. E começar a questionar! ” Alguém escuta alguma coisa de alguém, e saem falando, sem questionar, sem saber se é verdade ou não. As pessoas precisam se perguntar! Será que a minha crença esta de acordo com a lei de Deus? Será que a religião que eu nasci sempre me falou a verdade? Será que tem uma seqüência para salvação? Religião salva alguém? O que é pecado contra o próprio corpo? O que é caminho da carne? O devo saber sobre o casamento?
    O que a bíblia diz sobre: Idolatria, o que a bíblia fala sobre imagens e esculturas? Quando uma pessoa morre pra onde ela vai? Ela volta? Crer em Deus é fato! Mas se eu não aceitar Jesus, se eu não confessar Jesus como meu único salvador, mesmo assim serei salvo? Qual é o verdadeiro batismo e a verdade sobre a ceia do Senhor? Quebrando maldição, como assim? Ganhar o mundo inteiro e perde a sua alma? Essas e outras perguntas e resposta você vai encontrar no site. http://www.aunicaverdadeemsuapropriabiblia.blogspot.com “Seja sua bíblia de católico ou de evangélico.” Você pode dizer, eu já estou salvo amém! Vamos atrás de quem não esta, divulgue este site, fale para outras pessoas, por que “O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns têm por tardia: mas é longânimo para convosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se.”( II Pedro cap 3 ver 8 ) e “Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade. Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. (I A Timóteo cap 2 ver5e6) Vês aqui, hoje te tenho proposto a vida e o bem, e a morte e mal. Os céus e a terra tomo hoje por testemunhas contra vós, que tenho proposto a vida e a morte, a benção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas…(Deuteronômio c.30 v. 15 e16)
    Quer saber mais acesse:
    http://www.aunicaverdadeemsuapropriabiblia.blogspot.com
    “Seja sua bíblia, de católico ou de evangélico.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s